Ahparaneo no Facebook

sábado, 9 de abril de 2011

Festa da Cebola

Na ânsia de lucrar a organização da festa da cebola acaba por comprometer a qualidade e os preços disparam, isto sem falar da questão do comércio popular que este ano foi pego de surpresa pela Polícia que fez as devidas apreensões em produtos sem nota fiscal de origem.

No ano passado eu mencionei a questão dos DVD´s piratas em minha coluna e critiquei a omissão da polícia. Não iria tardar para isto acontecer. Em qualquer festa grande deste nosso estado este tipo de delito já não se vê mais.

Porque uma água mineral sem gás está custando R$ 3,00 reais? Isto tem explicação? O Procon deveria fiscalizar este tipo comportamento abusivo.

O cidadão de fora que vem para a festa se depara com uma infraestrutura muito boa e uma gestão amadora que culmina na exploração dos visitantes com preços abusivos. Esta é a visão dos cidadãos de outras cidades.

A contratação das atrações me parece não ter sido com critério de aceitação do público e é nítido na feição das pessoas o desgosto com demasiadas atrações sertanejas.

A festa que parecia caminhar para a profissionalização regrediu e velhos entraves vieram à tona. Não existe festa profissional sem administração fiscal e gente comprometida com qualidade.

O cidadão com menor poder aquisitivo acaba penalizado com o alto preços das bebidas e alimentos. O parque de diversões é péssimo e caro. Não tem novidades e é velho.

O que se percebe é que todos tentam desesperadamente cobrar caro para tentar evitar um prejuízo maior. Uma pena, Ituporanga não avançou na sua festa tão querida e popular.

quarta-feira, 6 de abril de 2011

Final Feliz

Eu tenho um amigo na capital que se enquadra no perfil “homem moderno”. Tem casa própria e mora sozinho, tem emprego bom, tem carro do ano e é boa pinta, estilo Rick Martin dos anos 90. Esse meu amigo queria ter um filho, mas não queria uma mulher. Decidiu então em parceria com uma velha amiga (muito bonita por sinal) que alugaria a barriga da moça para a maternidade e no final, conforme pré-estabelecido entre as partes, ele ficaria com o filho e ela com a grana acordada. Como eles eram amigos resolveram fazer o filho como se faz na vida real, sem a necessidade dos procedimentos de inseminação artificial. Os dois são maduros e estavam cientes do acordo e não poderia rolar nenhum sentimento além da amizade nutrida por ambos há anos. Deu tudo certo, no dia planejado o ato se deu e uns 10 dias depois a gravidez veio normalmente como tinha que vir. Como é linda a natureza. Gestação normal e o filho nasceu no dia planejado e com saúde. Ela amamentou a criança (um menino) no período certo e depois, friamente, pegou o dinheiro e entregou o lindo bebê ao meu amigo. Continuaram se vendo como bons amigos e eu perdi contato com eles por cerca de 6 ou 7 meses. Na semana que passou meu amigo me visitou e contou a novidade, tinha se casado com a amiga e estava apaixonado. Moral da história? Pensei que estas coisas só aconteciam em filmes.

terça-feira, 5 de abril de 2011

CSI Ituporanga

Um corpo é encontrado boiando no rio Itajaí do Sul, perto da “bica d’água”, mas precisamente atrás das polêmicas construções que ali estão sendo erguidas, quem avistou o corpo foram os trabalhadores das obras, que imediatamente chamaram as autoridades para fazer a retirada do corpo. Até o presente momento ninguém sabe quem é o cadáver, já que nenhuma queixa de desaparecimento foi dada a central de polícia nos últimos dias. O homem alto de cabelo curto, com tatuagem no ombro, esta no IML de Rio do Sul. Arrisco a dizer que, devido à quantidade de dinheiro e onde foi encontrado, este caso, pode estar ligado ao assalto que ocorreu na madrugada de Sexta Feira no posto lagoa vermelha. Minha veia de investigador criminal inspirada na série americana CSI, já pensou em todas as hipóteses, gostaria de poder repassar ao amigo leitor, mas infelizmente não podemos publicar nada antes que informações oficiais sejam divulgadas. Se estiver certo em minhas conclusões, valeu a pena as horas vendo os CSIs da TVs.

segunda-feira, 4 de abril de 2011

Cena do Jackass 3 com Britney Spears

Mãe Prefeitura

Só emendando... No meu tempo se o pai não podia levar a gente para o jogo a gente pedia carona para o pai do amigo ou para o tio de outro amigo ou o vô vinha com o Corcel II e levava a gente. Se em todas as opções anteriores não dava a gente ia pra estrada pedir carona, ou íamos de bicicleta, de tobatta. A gente dava um jeito. Hoje em dia é tudo com a mãe Prefeitura!

Veja bem

Eu li em um blog de um colégio de Alfredo Wagner um post em que culpam a Prefeitura na figura do seu prefeito pelo cancelamento de um campeonato esportivo organizado pelo próprio colégio pelo fato da não liberação do transporte para trazer os alunos do interior às competições. Com todo respeito a direção do colégio não creio que se deva culpar o Prefeito e a Prefeitura por isso, aliás, eu nem conheço o senhor prefeito de Alfredo Wagner. As prefeituras já gastam uma quantia considerável para realizar o transporte escolar de todos os alunos, não somente os do interior. O que estou querendo dizer é que a educação tem muitas outras prioridades e a Prefeitura necessita planejar os seus custos de maneira prévia. Existe um orçamento que foi definido no ano passado. É assim em todas as Prefeituras. Imaginem o amigo leitor se todas as Prefeituras começarem a usar os ônibus do transporte escolar para levar o aluno em competições esportivas. Certamente os custos vão aumentar. Esporte é muito bom, esporte dá dignidade e faz bem ao corpo e a mente, mas creio que as escolas deveriam buscar parcerias privadas para custear este tipo de competição. Veja amigo leitor que eu sou a favor de qualquer tipo de competição esportiva amadora, de qualquer modalidade, somente acho que a Prefeitura não pode ser chamada para tudo. Santas Prefeituras!

Buscar neste blog